Maca Peruana. Conheça este mundialmente famoso estimulante natural!

Maca Peruana. Conheça este mundialmente famoso estimulante natural!


A região dos andes possui um patrimônio cultural rico e inestimável. O que você talvez não saiba é que nessas montanhas existem curas medicinais através das plantas nativas. Uma delas é a Maca Peruana.

A maca peruana é super alimento conhecido da região, um importante remédio natural, se é que podemos assim o defini-lo. É um poderoso energético e estimulante.
Aqui temos informações sobre essa planta: o que é, como consumir, onde encontrar, além de seus benefícios à saúde. Vamos conferir?

Mas então, o que é a Maca Peruana?

Parecida com um rabanete, a maca peruana é um tubérculo crucífero da mesma família do nabo, do repolho e do agrião, outros alimentos essenciais à saúde e nutrição humana.

De nome científico Lepidium meyenii, ela pode ser chamada apenas de Maca. Dependendo da região, pode receber outros nomes como:
• Ginseng-dos-Andes;
• Viagra-dos-Incas;
• Maca andina;
• Planta-maca;
• Peruvian maca;
• Maca-ginseng;
• Maca-pó.

Onde a Maca Peruana é encontrada?

A origem dessa planta é o Peru. Daí o seu nome.

A região andina possui o clima e ambiente adequados ao crescimento da planta. A montanha e as baixas temperaturas ajudam a conservar os nutrientes na composição orgânica do tubérculo.

Benefícios da Maca Peruana

O consumo traz inúmeros pontos positivos à saúde de homens e mulheres em várias fases da vida. É possível usar a maca para o tratamento de inúmeras doenças. Os principais benefícios da maca peruana são:

1. Ajuda a memorização e favorece o processo de aprendizagem
Pessoas com perda de memória ou com dificuldades em reter informações podem ingerir maca peruana para a melhoria cognitiva.

A substância, ao entrar em contato com o sistema nervoso central, ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo e assim mais vitaminas e nutrientes são levados aos neurônios.

2. Dá energia
Esse energético natural é capaz de aumentar a disposição, reduzindo os níveis de estresse. Isso acontece porque a maca peruana atua nas glândulas suprarrenais e no hipotálamo, aumentando a sensação de bem-estar.

Pessoas com síndrome da fadiga crônica que fazem suplementação com este tubérculo conseguem ter melhor qualidade de vida. Seu uso é, inclusive, recomendado por terapeutas.

3. Melhora a qualidade do treino
Atletas e praticantes de atividades físicas regulares estão popularizando o consumo de maca peruana nas academias.

Seus benefícios no organismo fazem da suplementação uma alternativa saudável de ganho de massa muscular. Rica em esteróis, a maca possui substâncias com poder suficiente para equilibrar a homeostase do corpo.

4. Aumenta a libido e cuida da saúde sexual do homem
A manutenção da saúde masculina é um dos benefícios mais conhecidos da maca peruana. Homens que consomem esse medicamento natural podem se prevenir de diversos males como

• Infertilidade;
• Impotência sexual;
• Hiperplasia prostática (aumento da próstata);
• Disfunções sexuais.

Os especialistas da Universidade Cayetano Heredia decidiram checar os benefícios à saúde masculina da maca peruana. Foi pedido a um grupo de homens saudáveis, com idade entre 24 a 44 anos que consumisse o tubérculo durante quatro meses.impotencia-masculina

As propriedades etnomedicinais da planta foram comprovadas. A grande maioria dos voluntários apresentou quantidade maior de sêmen do que antes do consumo de maca peruana.

Além disso, os homens tiveram aumento do número de espermatozoides e melhor motilidade espermática, podendo engravidar uma mulher com mais facilidade do que antes do tratamento.

5. Controla a TPM e ajuda no tratamento da menopausa
As mulheres também podem se beneficiar do consumo da maca peruana.

De acordo com nutricionistas, a planta é um alimento importante para a regulação de hormônios que sofrem alterações a cada ciclo menstrual.

Durante a TPM, esse controle alivia quatro sintomas que incomodam a maioria das mulheres no período:

• Ansiedade;
• Estresse;
• Depressão;saude-da-mulher
• Compulsão por doces e frituras

O temido efeito sanfona, comum em mulheres com dificuldade em manter o peso ideal, também pode ser eliminado através do consumo regular da maca peruana.

Seus nutrientes e alto teor de fibras ajudam o corpo a regular a saciedade e consumir apenas o que é necessário durante o dia.
Durante os anos da menopausa, incluir a maca peruana no tratamento ajudar a aliviar os sintomas dessa fase.

Além de regular a produção de hormônios afetada com a idade, a suplementação pode eliminar outros problemas, aumentar a vitalidade, reduzir as ondas de calor, hidratar a pele e aumentar a libido.

O que a ciência diz?

Estudo recente publicado pela Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos associa a maca peruana à prevenção do Mal de Alzheimer.

Os pesquisadores descobriram que pessoas que ingerem a planta ou sua suplementação possuem mais acetilcolina. Esse neurotransmissor é responsável pela memória e fixação de informações.

A função antioxidante da maca peruana diminui a formação de radicais livres. No Brasil, o departamento de Engenharia de

Alimentos da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) comprovou esse benefício à saúde.
O estudo encontrou possiblidade de tratamento de outras doenças debilitantes como:

• Alguns tipos de câncer;
• Osteoporose;
• Osteopenia;
• Diabetes;
• Etc.

Onde você pode comprar a Maca Peruana?

Você encontra maca peruana em lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação. Na internet, é possível adquirir o produto em portais especializados em fitoterápicos.

O tubérculo é processado e transformado em pó que pode ser adicionado às refeições ou na forma de cápsulas para suplementação alimentar.

Que quantidade devo tomar?

Geralmente o tratamento com maca peruana é feito com o consumo de 400 a 1000 mg/dia do fitonutriente.
Suas necessidades diárias podem ser diferentes desse valor. Na dúvida, um médico ou nutricionista deve ser consultado.

Existem contraindicações e efeitos colaterais?

Cada pessoa reage de uma forma diferente à ingestão de alimentos. O consumo da maca peruana deve ser feito com cautela em pacientes com histórico de alergia alimentar.

Nesse caso, sugerimos o teste com a dosagem mínima do fitoterápico e observação de 24 a 48 horas, antes de iniciar o tratamento.

Gestantes, mulheres em período de amamentação, crianças e pacientes oncológicos devem consultar o médico antes de iniciar o uso desta planta como terapia.

Vale lembrar que o médico é a pessoa indicada para avaliar, com exatidão qualquer tratamento. Ele vai saber a dosagem adequada à sua necessidade e o tempo de duração eficiente.

Algumas curiosidades sobre a Maca Peruana

O início do uso da maca peruana como remédio natural foi no Império Inca. Segundo a cultura peruana, o imperador ordenou que seu exército consumisse essa raiz antes das batalhas.

Além da vitória, os homens retornavam com desejo de estar com suas companheiras, daí surgiu a fama da planta como afrodisíaco.

Uma lei nacional proíbe que a maca peruana in natura saia do território do país. Por esse motivo, é difícil encontrar sua forma natural, sendo a suplementação a via mais usada para o consumo.

Esse superalimento é cheio de história e vem cuidando da saúde humana há gerações.

Agora que você já sabe o porquê de a maca peruana ser tão popular, quem sabe esse alimento pode cuidar da sua saúde e da da sua família também?


  • 1
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *